Sim,
nos descartam
Nos fazem acreditar que tudo é único
Novo
Intenso
Real

Não,
não são confiáveis
Nos mostram em pouco tempo que é mais um replay
Rotina
Repetição
Um hábito

Palavras fortes
Olhares profundos
Verdades únicas
Segredos sinceros
Amores fiéis
Promessas eternas

Em um segundo
Derrubados
Jogados
Descartados

Mudam a página
Viram o jogo

Tempo?
Relativo

E não importa, afinal:
descartam.

Acreditei, um dia, ser insubstituível
Porque é no que torno cada vida que compõe meu ser

Moldada de infinitas partes eternizadas em verdades
Reciclo, mas guardo
Não me desfaço, completo
Reutilizo, com cautela
Não faço sumir, reinvento

Mas sim,
nos descartam.

Nos sugam a energia,
Machucam
Sufocam
Nos enganam minuciosamente
Arquitetam
E jogam
Nos manipulam com esperteza
Conduzem

Mas partem

Partidas dolorosas com mentiras e regras
Apagam meu brilho
Acendem a dor
Bagunçam minh’alma
Ofuscam a luz

Lamento
Sofro
Recordo
Descreio

Descartam
E partem

Comentários
Compartilha no FB!