Autor: Kennedy Alves

Eu não sou lá essas coisas dignas de nota, mas acho importante que você não leia o blog de um estranho, né? Eu tenho 26 anos, sou engenheiro de produção, apaixonado por música (fã da banda Fresno, acho importante, vocês saberem disso.), escrevo desde os 14 anos e quis começar a escrever, porquê lia as poesias do meu pai e queria escrever igual (com o objetivo de impressionar as gurias), mas aí a escrita tomou proporções inimagináveis, e hoje a minha vida não faz sentido s’eu não escrever pelo menos uma frase por dia. Já fui bancário, desempregado, vendedor de cosméticos, trabalhei em um mercado, numa construtora, tento ser músico, youtuber, fotografo, escritor e cozinheiro e talvez mais uma porção de outras coisas que não lembro o nome. Em 2012 criei o O Que Eu Quero Que Você Pense e desde então venho compartilhando meus sonhos e sentimentos com vocês. Para falar comigo, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

11 de julho de 2019

Antes do Tchau?

É importante poder contar as coisas, é importante não ter medo e perceber que há algo de bonito em “medir” certas cosias.

Compartilha no FB!
18 de junho de 2019

Copa do Mundo da Marta

Estava assistindo a copa do mundo feminina, especificamente o jogo entre Brasil x Itália pela fase de pontos, e me veio a vontade de escrever, porque é evidente e fato para todos nós que há muita história no futebol pra ser contada, e fiquei afim de falar sobre uma que me veio agora. Pra história […]

Compartilha no FB!
16 de junho de 2019

CBLoL, Ansiedade e Redenção.

Rodada 6 O final de semana é sempre mais proveitoso quando se tem o CBLoL pra assistir, abre uma cerveja pega um amendoim ou uma batata e torce, que é diversão certa pra quem gosta de competição, agora se quiser uma opinião sobre, lê aqui o que escrevi. Esse final de semana iniciava com o […]

Compartilha no FB!
12 de junho de 2019

Isso não é uma carta de “amor”

Como quem não gosta de jiló porque é amargo, mas continua comendo pra ver se consegue se acostumar, eu vou tentando romper com o “amor romântico” dia após dia, pra ver se consigo nunca parar de te amar. Mudar é normal, sem mudança ou movimento a vida acaba, mas como posso eu aceitar, a inevitável […]

Compartilha no FB!
You are here: Page 1