Automovimento?

Eu agradeço a preocupação, mas não precisa não… Sabe, eu sempre romantizei muito a vida, e talvez isso tenha feito eu passar a escrever, até descobrir que romantizava demais, que aceitava demais, sofria demais, amava demais, sempre achei que fosse esse o caminho, até criar a sinopse de mim mesmo ou pelo menos o que…

Compartilha no FB!
Continue lendo